Tigela do Bandit

Tigela do Bandit

Já tratamos em alguns textos por aqui sobre o comportamento de cães que fazem AN. Uma das questões que já percebemos logo no começo da introdução do alimento natural é que os cães tendem a ficar mais calmos, Inclusive aqueles que são agressivos tendem a diminuir a agressividade. E, acreditem, não é mágica.

Eles passam a se alimentar nos horários certos, de forma regular, sempre tendo variação na tigelinha. Passam a comer uma alimentação mais úmida e mais voltada para seu instinto. Portanto, não é à toa que ocorrem as mudanças. Pensem só, ao oferecemos açúcar para uma criança humana hiperativa, ela tende a ficar mais hiperativa, certo? O mesmo ocorre com cães que já tem um temperamento hiperativo e consomem alimentos processados com corantes, conservantes, antibióticos e hormônios.

A Aline, nossa seguidora do Instagram, escreveu pra gente contando um pouco dessa mudança e autorizou que dividíssimos a experiência dela com vocês.

Sou a mamãe do Bandit. Um buldoguinho de dois anos. Até os 11 meses era muito dócil. Após, arisco, traiçoeiro, bravo mesmo. Nem a castração deu jeito.
Já fui mordida acho que 8 vezes. Minha mãe umas três (ele ficou pendurado no braço dela) e meu marido uma. Na minha mão, a Unimed não quis atender por se tratar de caso de zoonose. Fui até o hospital municipal e a médica queria me encaminhar para o cirurgião geral para ligar a veia. Graças a Deus, após análise, não foi preciso.
Durante todo esse tempo ele comeu Hills, a ração mais cara, com mais antioxidantes, tida como super premium.
Embora o canil em que ele foi comprado adote a alimentação natural e a indique, sempre olhei com preconceito. Até mesmo porque o Veterinário indicava ração dizendo que ela tinha sido muito estudada.
Há cerca de quinze dias, não sei explicar porquê, resolvi fazer comida específica pra ele. Talvez tenha sido por ver alguma coisa no instagram.
Parece loucura, mas nos três primeiros dias o pelo dele tinha parado de cair. O que antes era aos quilos por dia, hoje nem se nota no sofá ou roupas escuras.
Outra coincidência, se é que foi, é a calmaria em que ele se encontra. Por todos os episódios que passamos, ainda fico muitoooooo ressabiada com ele, talvez por medo de acreditar.
Ele não late mais para cachorros, e ontem fiquei pasma, ele deixou o sobrinho do meu marido fazer carinho nele. Nem se mexia. A minha sobrinha de três anos, que é uma pimenta, ele odiava. Como ela é quase hiperativa, ele ficava muito irritado com ela. Nesse fim de semana, cheirou o pé dela e até lambiscou. Será que a ração fazia algum mal lá nas sinapses dele?
Simplesmente, parece que não consigo acreditar no que estou vendo.

IMG-20160131-WA0013

IMG-20160324-WA0016

By | 2016-05-02T14:53:30+00:00 maio 3rd, 2016|Eles comem AN|0 Comments

About the Author:

Leave A Comment