Como Escolher o Comedouro e Bebedouro Certos para Seu Animalzinho

/, Dicas/Como Escolher o Comedouro e Bebedouro Certos para Seu Animalzinho

Como Escolher o Comedouro e Bebedouro Certos para Seu Animalzinho

comd-inox

Não apenas de boa alimentação vive o cãozinho.

Além dos cuidados com a higiene, como escovação de dentes, banhos, corte de unhas e escovação do pelo, é preciso também prestar atenção ao tipo de recipiente em que os animais comem.

Esqueça aquelas tigelas de plástico, as mais comuns, mais fáceis de encontrar e com valores acessíveis. Infelizmente esses comedouros contêm substâncias derivadas do petróleo que podem causar doenças crônicas e até câncer (leia mais neste artigo cientifico sobre essas tigelas populares). O material também é foco de fungos e bactérias quando não feita logo sua troca e, principalmente, quando não limpas adequadamente.

As melhores opções no mercado são os comedouros de cerâmica (verifique que não seja pintado, esmaltado, aplicado verniz – essas substâncias podem ser toxicas ao bichinho) e inox. Esses tipos mantêm mais tempo a temperatura da água e seu material não deixa com que fungos e bactérias se proliferem. São mais caras, é verdade, mas duram muito mais tempo, se limpas adequadamente.

A higiene dessas tigelas deve ser feita diariamente, lavando muito bem com água morna e detergente neutro. Assim você mantém a saúde de seu cãozinho e de sua família.

É economia no bolso e na saúde do seu pet a longo e curto prazo.

 

Uma outra questão extremamente importante:

Muitos tutores preferem servir as refeições em refratários suspensos (foto retirada da internet), acreditando que assim o cão de médio ou grande porte não sofrerá torção gástrica e engasgos, ou até para que durante as refeições não se faça sujeira.

comedouro_duplo_semajuste_cachorro_1

Muito se tem debatido sobre o assunto (leia no fórum de discussão, em inglês).

A bem da verdade é que um estudo realizado pela Purdue University, nos Estados Unidos, revelou o contrário: a alimentação em vasilhas elevadas é um fator que aumenta o risco de torção em 110%! E que “aproximadamente 20% a 50% dos casos de cães que sofreram torção são atribuíveis ao comedouro elevado.”  (trecho retirado do site Cachorro Verde)  Você pode ler mais sobre torção gástrica aqui, neste artigo em inglês.

Portanto não pense que só a maneira correta da alimentação importa para a saúde de seu peludo, mas também a forma. Consulte sempre um veterinário que irá indicar a forma mais adequada de servir o alimento.

By | 2014-09-17T13:54:04+00:00 setembro 17th, 2014|Alimentação Natural Caseira, Dicas|2 Comments

About the Author:

2 Comments

  1. Comedouro do Bowie – Cãolinária 24 de setembro de 2014 at 12:33 - Reply

    […] a Keka trocou a tigela do gatinho, mesmo sem que ele receba AN. Isso é bastante importante: as dicas de comedouros e bebedouros valem para quaisquer tipos de […]

  2. […] lembram que lááááá no comecinho do nosso site, em que falamos sobre a importância da tigelinha ser de inox e sobre […]

Leave A Comment